COMO PREPARAR SUPERFÍCIES DE MADEIRA NOVAS ANTES DE ENVERNIZAR?


A madeira deve encontrar-se seca em profundidade, caso contrário, pode dar origem a empolamentos e outros defeitos na superfície do acabamento.

Se possível, recorra a um aparelho medidor de humidade garantindo que esta se encontra nos valores recomendados (14-18%).

Lixe a madeira, sempre no sentido das fibras, com lixas de grão médio (180-220). Deverá utilizar sempre lixas específicas para madeira. Elimine as poeiras com a ajuda de ar comprimido ou, em alternativa, com um aspirador ou uma trincha.




QUAIS AS DIFERENÇAS ENTRE CERAS, ÓLEOS E VERNIZES?


Ceras: uma cera dá uma aparência muito boa e agradável à madeira mas a sua durabilidade é limitada. Pode ser usada em mobiliário e carpintaria que não tenham grandes exigências ao nível da proteção. Pode ser utilizada em pisos, contudo, tenha em mente que necessitará de manutenção frequente.

Óleos: os óleos apresentam níveis de durabilidade maiores do que as ceras, têm uma aplicação e reparação muito simplificada (lixar a zona com defeito e voltar a aplicar) mas, por outro lado, necessitam de um tempo de secagem mais longo.

Vernizes: os vernizes permitem o acabamento de madeira mais duradouro. Existem vernizes base de água e base solvente. Cada um dos tipos pode ser monocomponente ou bicomponente, este último, é de longe a solução mais resistente e duradoura, a ideal para zonas de muito tráfego como soalhos e mobiliário de utilização intensa.




COMO POSSO SABER SE A MADEIRA FOI ACABADA COM CERA, ÓLEO OU VERNIZ?


Superfícies com cera: se a superfície tiver cera pode raspar ligeiramente com a unha. Ficará com um pouco de cera debaixo da unha. Pode também puxar o lustro com um pano. A maior parte das superfícies aumenta de brilho quando se puxa o lustro, mas as superfícies enceradas aumentam de brilho de forma substancial.

Superfícies com óleo: de uma forma geral as superfícies acabadas com óleo não têm brilho. Se colocar um objeto junto de uma superfície acabada a óleo, não verá grande reflexão. Pode também colocar um pouco de white spirit numa zona escondida da superfície e testar, se este dissolver, o acabamento provavelmente será um óleo. Tenha atenção que este procedimento pode deixar manchas brancas. O white spirit também dissolve as ceras, por isso, antes de fazer este teste deve fazer o teste anterior.

Superfícies com verniz: uma superfície envernizada é dura ao toque (normalmente faz um som característico quando se bate com a unha) e reflete o que a rodeia. Mesmo um verniz mate reflete mais do que uma superfície acabada a óleo. Nos vernizes a reflexão de objetos é claramente visível, no caso específico dos vernizes brilhantes a reflexão é perfeita.




QUAIS AS VANTAGENS DE UTILIZAR CERA, ÓLEO OU VERNIZ?


Vantagens das ceras: as ceras dão um aspecto bastante agradável, mais de lustre do que propriamente brilho. As superfícies podem ser re-enceradas tantas vezes quanto as desejadas. Para um efeito mate, deverá "puxar pouco o lustro" e para um efeito mais acentuado, intensificar a esfrega da superfície de madeira. Quanto mais macio for o pano usado para lustrar, mais brilhante ficará a aparência final.

Vantagens dos óleos: a grande vantagem dos óleos é a sua facilidade de reparação. Um defeito, uma mancha causada por uma bebida, são facilmente removidos, bastará para isso, lixar e fazer nova aplicação de óleo.

Vantagens dos vernizes: de todos os acabamentos existentes é o que possui maior resistência e longevidade sem necessidade de manutenção. A sua limpeza e manutenção é bastante simples, sendo apenas necessário a utilização de um pano húmido.





FOLLOW US

 

 

 

SUPPORT

QUICK SEARCH

INSTITUTIONAL

LUSOVERNIZ GROUP

WORK WITH US

  • Facebook - Rikor
  • LinkedIn - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza

PRIVACY POLICY | LUSOVERNIZ GROUP

© 2018, RIKOR. All rights reserved. Developed by DISAINE